Os Botos de Lagoa da Prata

Foi pensando em aumentar os atrativos turísticos aqui de nossa cidade que em 1985, o então prefeito Pedro Paulo Rezende (PMDB), importou do Araguaia, um casal de botos.

Os anos foram passando, os botos crescendo e os banhistas se divertindo. Até que, os amáveis botos, sabe-se lá por qual razão, tornaram-se hostis. Passaram a atacar os banhistas. E o prefeito da época José Otaviano Ribeiro, tentou remover os bichos. Mas captura e transporte não custam menos de US$ 30 mil. Sem outras alternativas, prefeito e ex-prefeito apelaram ao IBAMA e à FAB para que levem o pesadelo para as águas do Araguaia. E assim foi feito. Uma mega operação para levá-los de volta. Muitas pessoas tem histórias para contar dos botos e estão nas lembranças dos habitantes e turistas da época.

Fonte: Coluna Papo de Pescador, número 733 publicado na edição 1128, 25 de janeiro de 2019 do Jornal OPapel (com pequenas alterações no texto).

Esta mesma equipe que levou os botos de Lagoa da Prata, também levou nesta mesma viagem dois botos Tucuxi que estavam em Sete Lagoas. (Informação passada por Randall Johnson)


A intenção secundária da introdução dos botos na lagoa era controlar os cavaquinhos que atacavam os turistas e lagopratenses na parte rasa da lagoa.

 

Na praia de Lagoa da Prata tinha esta placa, conforme apuração, se encontra desaparecida. Veja mais aqui: Dia de golfinho de rio


A população comenta que eram 5 botos, e por fatores diversos restaram no final apenas dois. Comenta-se quem um boto se acidentou com a hélice de um barco que levava os turistas para o zoológico na ilha da lagoa. O boto acidentado era filhote e veio a morrer. Conta-se que o casal de botos gritava (Chorava) muito devido a morte do filhote.

As informações vão surgindo e vamos atualizando a publicação.

Tem alguma informação importante? Mande para nós! Entre em contato ou deixe nos comentários!


Robson Moraes

Robson Moraes Almeida, Farmacêutico, Bioquimico, Retratista e Editor do Lagoa da Prata Ponto Com

Escreva um comentário

4 thoughts on “Os Botos de Lagoa da Prata

  • 26 de dezembro de 2020 em 11:07
    Permalink

    Quando adolescente por volta 1985, não me lembro bem a data, fomos em uma excursão para lagoa da prata. Enquanto a minha família estava no restaurante, eu ansioso para ver os botos, fui até uma parte mais funda da lagoa e lá um deles me puxou para o fundo…. Foram momentos de pavor até eu perceber que eles só queriam brincar.

    Resposta
  • 28 de dezembro de 2020 em 19:42
    Permalink

    Não foi de uma hora pra outra e sem motivos que eles se tornaram hostis. Morava em Lagoa da Prata nessa época e lembro bem de turistas maltratando os botos. Eles eram super dóceis e chegavam a nadar com a gente. Não tinham medo mas certas pessoas começaram a fazer maldade, passavam tampinha de garrafa na pele deles. Feridos eles foram mudando de comportamento. Infelizmente a ação humana modificando o meio pra pior…

    Resposta
  • 28 de dezembro de 2020 em 19:43
    Permalink

    Hoje não tem nada…barcos ,jets ski….e tudo mais . Ponto turístico morto…

    Resposta
  • 29 de dezembro de 2020 em 09:02
    Permalink

    Saudades dessa época os botos eram amáveis,me lembro quando ele foi levado em um aquário enorme e transportados em um avião do exército nessa época só tinha um boto na lagoa boto rosa

    Resposta

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

error: Copias desativadas.